Moradores de Itainópolis recebem serviços do Procon e Ouvidoria durante ação itinerante

2
visualizações

NOTÍCIAS RELACIONADAS

O Ministério Público do Piauí, por meio do Procon e da Ouvidoria, encerrou hoje, 29, mais uma ação itinerante. A iniciativa começou na última segunda-feira (25) e ocorreu no município de Itainópolis, a 365 km de Teresina.

Por meio do Procon, os cidadãos puderam registrar reclamações sobre serviços de fornecimento de água, energia elétrica, telefonia móvel, serviços bancários, entre outros. Ainda foi possível tratar de negociação de débitos com cartões de crédito, empréstimos, negativação indevida no SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) e no Serasa, ou prestar queixa sobre produtos com defeitos.

“A ação foi importante para a cidade porque muitas pessoas são lesadas e não sabem como resolver. Estou procurando uma solução para o meu caso e evitar que isso aconteça com outras pessoas”, comentou a dona de casa Maria Hildete da Rocha Silva.

Os itainopolenses também puderam realizar manifestações junto a Ouvidoria e apresentar denúncias envolvendo fatos praticados por órgãos e agentes, públicos e privados, desde que, a instituição ministerial esteja legitimada a agir. Ainda é possível realizar críticas, elogios, pedidos de informação ou sugestões sobre atividades do Ministério Público. Nesta edição também foram ofertados os serviços da “Ouvidoria das Mulheres”, que tem o objetivo de prestar atendimento humanizado às mulheres vítimas de qualquer tipo de violência.

Ainda durante a programação, foi realizada a palestra “Direito do Consumidor: o que você precisa saber”, promovida pela Escola Estadual de Defesa do Consumidor (EEDC). A ideia integra um conjunto de ações de cunho educativo sobre o Código de Defesa do Consumidor (CDC).

Palestra sobre direito do consumidor

O momento foi direcionado a alunos e professores da rede pública municipal. A palestra aconteceu no auditório da Unidade Escolar Álvaro Rodrigues de Araújo. “Além do atendimento, é importante esclarecer o consumidor. Com um trabalho educativo, estamos propiciando mais proteção e defesa dos seus direitos, uma vez que o cidadão terá mais conhecimento sobre boas práticas de relação consumerista”, explicou o coordenador técnico do Procon, Edivar Carvalho.

Coordenadoria de Comunicação Social
Ministério Público do Estado do Piauí – MPPI
 (86) 3194 8726 (telefone e WhatsApp)
 [email protected]



LEIA TAMBÉM 

Leave Comment

EDITORIAIS

MAIS LIDAS DA SEMANA

FACEBOOK DIÁRIO GM

RECENTES